IDC FutureScape 2021: Previsões e tendência de evolução digital no mundo dos negócios

A pandemia transformou as prioridades no mundo dos negócios e as mudanças que sofreram geraram grandes iniciativas para alavancar a transformação digital. Confira neste artigo essa tendência e as previsões dos próximos anos.

Nos últimos anos as prioridades de negócios sofreram mudanças drásticas. O contexto pandêmico atual e o impacto econômico gerado por ele trouxeram ao mundo um “novo normal”, mudando a forma com que as pessoas vivem e as empresas operam.

A Covid-19 acelerou o processo de transformação digital das empresas, assim como aumentou o índice de compras online; passamos de uma economia de oferta para uma economia de procura. Essa mudança torna necessária uma redefinição de prioridades dentro das corporações, principalmente no que diz respeito ao TI, pois o digital tem papel fundamental dentro do novo modelo de empreendimento.

No IDC FutureScape 2021, a IDC apresentou um conjunto de previsões e tendências para o futuro do trabalho e dos negócios nos próximos 5 anos. Dentre elas, ressaltamos a maior colaboração entre homem e máquina e maior suporte ao espaço de trabalho digital ou híbrido.

Dentro desse modelo de trabalho a IDC prevê que, em 2022, 45% das tarefas nas grandes empresas sejam realizadas por digital workers, por isso será necessário um maior desenvolvimento do espaço de colaboração para que as organizações continuem trabalhando e o relacionamento interpessoal não se perca no processo.

Até 2022, 25% das grandes empresas introduzirão tecnologia avançada de manipulação e visualização de dados para aumentar a produtividade.

Como previsões possíveis de ocorrer ainda em 2021, a IDC prevê que até 75% das empresas venham a reconhecer os benefícios do consumo “as-a-service” (pela possibilidade de ser realizado internamente, ou promovido através de prestadores de cloud, por exemplo) pela agilidade e eficiência operacional conferida à sua infraestrutura.

Os novos poderes do CIO

A transformação digital tem impacto em todos os setores, o que consequentemente trouxe para os CIO’s novas funções e responsabilidades. Por se tratarem dos protagonistas no que diz respeito à infraestrutura digital dentro das empresas modernas, os CIO’s desempenharão papéis fundamentais dentro da sobrevivência corporativa acerca do “novo normal”, e ainda permanecerão exercendo suas funções tradicionais.

Espera-se que os CIO’s liderem todas as diretrizes de tecnologia e gerenciamento de riscos para a empresa. De acordo com uma pesquisa recente da IDC, 63% das empresas estão investindo em segurança cibernética visando maior estabilidade digital para clientes, funcionários e parceiros.

Até 2023, a dívida estrutural acumulada durante a pandemia terá afetado 70% dos CIO’s, que deverão utilizar atalhos para os protocolos normais de TI na implementação de soluções digitais, muitas vezes de forma abrupta. Nesse mesmo período, as crises globais farão com que 75% dos CIO’s sejam parte integrante da tomada de decisões referente aos negócios, além da liderança em tecnologia corporativa e otimização de custos, uma vez que o financiamento tem sido escasso em tempos de crise.

CIO’s experientes buscarão oportunidades para projetar plataformas que modernizam e facilitam a infraestrutura organizacional enquanto fornecem recursos para criar e fornecer produtos, serviços e experiências para colaboradores e consumidores. A chave para o êxito dentro de todo o universo que engloba suas novas lideranças e responsabilidades é saber combinar: Empreendedorismo, ser visionário e possuir a capacidade de criar e vender toda essa transformação para a empresa, além de fazê-la acontecer.

Os novos desafios do CIO

Ainda com base no IDC FutureScape e a nova responsabilidade dos CIO’s, trazemos parte das previsões dentro do universo tecnológico, de mercado e ecossistemas para os próximos 5 anos:

Até 2022, 65% dos CIO’s capacitarão digitalmente os funcionários com dados, IA e segurança para estender sua produtividade e proatividade mediante situações adversas. Ainda que a tendência seja a modernização e automação estrutural, as equipes e colaboradores ainda são necessários para que a empresa funcione de forma mais autônoma, além de estarem na melhor posição para acompanharem as mudanças de comportamento dos clientes e do ecossistema externo.

Em 2023, os centros de controle de adversidades liderados por CIO’s serão elemento permanente em cerca de 65% das empresas e terão como focos principais a construção de resiliência, infraestrutura digital e financiamento flexível dentro de diversos cenários possíveis.

  • Até 2024:

50% dos CIO’s buscarão acelerar a robotização e automação dos ambientes de trabalho, visando otimizar o ambiente e torna-lo mais receptivo às mudanças digitais. Segundo a IDC, cerca de 16% da força de trabalho será substituída por IA nos próximos 5 anos. Ainda será parte da responsabilidade do CIO gerenciar essas mudanças, não somente nos fluxos de trabalho e processos, mas também na cultura comportamental dos colaboradores.

75% dos CIO’s absorverão novas responsabilidades pelo gerenciamento de dados operacionais em saúde, bem-estar e alocação de funcionários para fins de subscrição, saúde, segurança e conformidade tributária.

  • Até 2025:

80% dos CIO’s, juntamente aos executivos das linhas de negócios, implementarão recursos inteligentes onde seja possível prever mudanças comportamentais, desejos e necessidades dos clientes. Esses recursos utilizam IA, ML e demais tecnologias que extraem insights e detectam padrões visando a fidelização de seus consumidores.

60% dos CIO’s implementarão a direção para ferramentas de low code/no code para aumentar a produtividade no setor de TI e promover inovação.

65% dos CIO’s desenvolverão sistemas para o controle de ecossistema, aplicativo e infraestrutura baseados na interoperabilidade e flexibilidade. Eles deverão gerenciar os sistemas e aplicativos corporativos como um todo, construindo uma plataforma digital.

As pesquisas comprovam que os CIO 's experientes buscarão oportunidades para projetar plataformas que modernizam e facilitam a infraestrutura organizacional enquanto fornecem recursos para criar e fornecer produtos, serviços e experiências para colaboradores e consumidores.

A chave para o êxito dentro de todo o universo que engloba suas novas lideranças e responsabilidades é saber combinar: Empreendedorismo, ser visionário e possuir a capacidade de criar e vender toda essa transformação para a empresa, além de fazê-la acontecer.

Sua empresa está preparada para a revolução digital? A Okser é especialista nos melhores sistemas em ERP e gestão de projetos, soluções inovadoras no mercado. Por isso não perca tempo e entre em contato com a gente para transformar a sua empresa!

Fonte: IDC FutureScape 2021

Conheça as histórias de sucesso de quem inovou com a gente

Saiba como a Okser ajudou clientes por todo o país a reinventar a forma de gerir seus negócios com a tecnologia do SAP Business One.

Sua empresa está crescendo e novos desafios estão surgindo

Fale com um dos nossos especialistas e saiba como levar a sua gestão a um novo patamar.

Quero falar com um especialista